V/H/S: Viral (2014)

maxresdefault

O terceiro filme da antologia de terror V/H/S era aguardada com ansiedade. Como toda antologia, alguns segmentos funcionam melhor do que outros, mas a série sempre ofereceu novas e criativas soluções para o subgênero found footage. O segundo filme, mais especificamente, ficou marcado pelo segmento Safe Heaven (do gênio Gareth Evans, de Operação Invasão), uma pequena pérola de horror melhor do que muita coisa que foi feita por aí recentemente. Continuar lendo “V/H/S: Viral (2014)”

Garota Exemplar (2014)

o-BEN-AFFLECK-facebook

David Fincher raramente nos decepciona. Com a exceção de Benjamin Button – um filme problemático por diversos questões – sua filmografia é da mais impressionantes – e a sua evidente frieza e racionalidade caem como uma luva quando o assunto é dissecar as relações humanas e suas idiossincrasias, como o fez recentemente em obras como A Rede Social e Os Homens que não Amavam as Mulheres. Neste Garota Exemplar, baseado no livro homônimo da escritora Gillian Flynn, Fincher entrega uma de suas obras mais relevantes, um estudo meticuloso sobre o esfacelamento de uma relação e um suspense que, mesmo partindo de uma premissa mais que usual, se revela surpreendente não apenas por sua estrutura, mas pela forma brilhante como é encenado. Continuar lendo “Garota Exemplar (2014)”

Uma Noite de Crime: Anarquia (2014)

The-Purge-Anarchy_12

Ainda que não seja tão execrável quanto o primeiro filme, realizado em 2013 (que carrega a honra duvidosa de ter o adolescente mais imbecil da história do cinema), este Uma Noite de Crime: Anarquia tem o mesmo problema do original. Na tentativa de estabelecer uma crítica ao abismo entre as classes mais e menos abastadas, o filme acaba por se perder em suas próprias ambições e em um roteiro equivocado (cujos problemas já iniciam na própria ideia do expurgo, por si só absurda e simplista). Continuar lendo “Uma Noite de Crime: Anarquia (2014)”