O Ano Mais Violento (2014)

O Ano Mais Violento, novo filme do diretor J.C. Chandor, o mesmo dos ótimos Margin Call e Até o Fim – pode até se passar em 1981, considerado um dos anos mais violentos da história de Nova York, mas respira com elegância toda a estética e a temática do cinema americano dos anos 70. É fácil perceber no filme elementos do cinema de Coppola, Lumet e Friedkin, seja pelo contexto conspiratório, pelos diálogos diretos e precisos como pelas (poucas, mas eficazes) sequências de ação, respectivamente.

Continuar lendo “O Ano Mais Violento (2014)”

Mommy (2014)

Xavier Dolan tem 25 anos e este é seu quinto filme.  A segurança e o domínio narrativo deste jovem cineasta impressionam. Mommy conta a história de Diane (Anne Dorval), seu filho Steve (Antoine-Olivier Pinon), um jovem tão problemático quanto fascinante e o encontro som sua vizinha Kyla (Suzanne Clément), uma mulher incapaz de se relacionar com sua própria família mas que encontra em Diane e Steve um reflexo com o qual é capaz de coexistir. Continuar lendo “Mommy (2014)”